Beer,  Cerveja

Mulheres, negras e cervejeiras.

Women Making Beer, de George French Angas – 1840, Àfrica do Sul.

Estamos enfrentando tempos difíceis! Apesar da situação atual, que envolve desde a pandemia do Covid-19, desgoverno até brutais injustiças contra a raça humana, não devemos nos calar – por mais doloroso e triste que seja -. Mas não venho falar do que já estamos fartos (embora a repetição reforce o aprendizado). Venho apresentar a vocês o que mulheres negras vem fazendo no mercado cervejeiro.

A Science of Beer foi uma das poucas instituições no mundo que apresentou a relação de profissionais negros e seus belos feitos no mercado de trabalho. Trazendo para o universo cervejeiro, mulheres negras ainda são a minoria – conheça algumas aqui -, mas queremos mudar esse cenário. Apesar de ser um mercado visto como sendo totalmente masculino, a história nos mostra que as mulheres deram início à produção da bebida de forma caseira. Por se tratar de um alimento, foi inserido nas tarefas domésticas há cerca de 10 mil anos. Saiba para onde tem andado o mercado cervejeiro feminino aqui.

Depois de algum tempo fazendo cerveja, soube que o tio-avô da minha mãe fazia cerveja escura, por volta de 1950, contou ela ao lembrar que era comum a bebida ser servida aos finais de semana em reuniões de família. Nunca duvidei da minha intuição em procurar saber como fazer e depois buscar conhecimentos para me tornar conhecedora do assunto. Como cervejeira caseira e sommelier posso afirmar: é muito bom preparar a própria bebida! Quando pegamos o gosto vemos a importância do conhecimento, especialmente quando desperta o interesse em preparar outros estilos. Me sinto orgulhosa por ter mudado o pensamento e a cultura de algumas pessoas resistentes às cervejas convencionais. Sou apaixonada por falar do assunto. Sou incentivadora da produção na panela, em casa, mas também da busca do conhecimento sobre essa bebida milenar que é deliciosa e saudável – desde que com moderação -.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *